quarta-feira, 23 de abril de 2014

Conheça o Parque de la Villette e seu cinema em forma de globo gigante

Fora do circuito dos famosos jardins Parisienses, como o das Tuileries e o de Luxemburgo, o Parque de Villette é a opção ideal para você deseja aproveitar o ar livre longe de locais turísticos e badalados. Encravado no 19º arrondissement de Paris, o Parque de la Villette é um dos maiores parques da capital, com 55 hectares de área total, sendo 33 hectares de puro verde.

Seu gramado sempre bem cuidado, cercado por árvores pomposas, são um convite para um pique-nique nos dias ensolarados de verão. O parque é frequentado por todas as tribos e lá você encontra jovens parisienses de todas as classes sociais, o que torna o Parque de la Villete, na minha opinião, um dos parques mais multiculturais e interessantes de Paris. Se você é turista e quer conhecer outras realidades da vida Parisiense, o Parque de la Villette é uma boa opção de visita. 

O que você encontra lá?

Além do convidativo gramado, no Parque de la Villette você encontra cafés, restaurantes, cinema, teatro, parque infantil, casas de shows, livrarias, bibliotecas e muito mais. Todas as atrações do parque são bem distribuídas e organizadas para não tirar o sossego de quem quer aproveitar a área verde. 

O parque tem ainda passarelas de pedestre suspensas, que dão um toque de aventura e modernidade ao local. Os Canais do L'Ourcq  e Saint-Denis (continuação do Canal de Saint Martin) também cortam o la Villette, deixando o local ainda mais charmoso. E falando em canal, no Parque de la Villette você encontra um enorme submarino de verdade aberto a visitação (3€ entrada), que faz a festa da criançada (e adultos também, porque não?). 

Outra atração é a Géode, um cinema em forma de globo, com tela de 180 graus e som extraordinário. Dentro da Geode você tem a impressão de participar do filme (que são em 3D ou não). As sessões para filmes custam entre 12€ e 7€. Além dos filmes, você pode conferir ainda concertos e óperas dentro do Globo gigante (confira programação aqui).

Pensa que acabou? Ainda não. Caso tenha tempo, faça uma visita a La cité des sciences et de l'industrie, um enorme prédio ao lado do la Villette, onde você encontra exposições interessantes sobre ciência, robótica, matemática, química, etc. As crianças adoram! 

E mais: durante o verão, o Parque de la Vilette oferece programações variadas e gratuitas, como o enorme e famoso cinema ao ar livre, além de cursos de dança, ginástica, artesanato, etc. Se você mora em Paris ou estiver visitando a cidade luz durante o verão, que tal aproveitar? 


Curiosidades: entre os anos de 1867 e 1974, no local onde hoje é o Parque de la Villette, funcionava o abatedouro de Paris.  Em 1979, o governo local decidiu desativar o abatedouro e um concurso foi lançado para escolher o projeto arquitetônico que daria origem ao La Villete. Um dos projetos escolhidos foi o do arquiteto suíço Bernard  Tschumi, com suas "Folies" contemporâneas, estruturas metálicas vermelhas que você encontra espalhadas no Parque de la Villete. 

A construção do parque começou em 1980 e terminou por volta do ano de 1997. O prédio onde era o abatedouro foi conservado e hoje abriga bibliotecas e salões de eventos e exposições. 

Como chegar:
Parque de la Villete
Metrôs: Linha 5 (estação Porte de Pantin); Linha 7 (estação Porte de la Villette) e T3 (estação Porte de Pantin ou Porte de la Villette).
Ônibus:  linhas 75, 171, 139, 150, 152. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário