terça-feira, 6 de maio de 2014

Cadeados nas pontes de Paris com os dias contados

Os cadeados do amor, colocados nas pontes de Paris pelos casais apaixonados e que simbolizam o "amor eterno" estão com os dias contados. A prefeitura de Paris e ativistas em defesa do patrimônio, estão tentando encontrar uma solução para acabar com a tradição, que começou na Ponte des Arts e Pont l'Archeveché e acabou se espalhando por todas as outras pontes da cidade. 

A quantidade de cadeados é tão grande que os gradis das pontes (que não foram projetados para isso) ameaçam cair no rio Sena e nas embarcações por causa do peso. Isso sem falar nas chaves, que são jogadas no Rio Sena, causando também um problema ambiental. 

Na internet já existe até petição para que a prefeitura de Paris tome uma providência. As autoridades parisienses, que estão de acordo com os ativistas, buscam uma solução e já se fala até da criação de uma lei para proibir os cadeados.

Semana passada, o jornal britânico "The Guardian" fez uma reportagem que calculou o peso dos cadeados na Pont des Arts, construída em 1804, na época de Napoleão. Apenas nesta ponte estariam presos, de acordo com o jornal, mais de 700 mil cadeados, que juntos somam 93 toneladas (peso equivalente a 20 elefantes juntos) em cima de uma ponte que foi projetada apenas para pedestres. 

Enquanto a lei não é criada a tradição prossegue, desagradando parte dos parisienses mas, ao mesmo tempo, tornando-se um atrativo a mais para os milhares de turistas que visitam a cidade luz todos os anos. 

Gostou desta postagem? Que tal curtir o Viver Paris no Facebook clicando aqui e ficar por dentro de todas as dicas de Paris?

Nenhum comentário:

Postar um comentário