quinta-feira, 18 de outubro de 2018

10 atitudes para arrasar em Paris e na França

Cada povo tem sua cultura, costumes e modo de vida. E por mais que os franceses tenham algumas semelhanças com nós brasileiros, as diferenças culturais existem e podem ser embaraçosas em alguns momentos. Foi por este motivo, para que você se sinta seguro na sua primeira viagem à Paris, que resolvi criar esta postagem.

 É claro que para todas as regras existem exceções e que neste post poderei exagerar um pouquinho para dar um tom leve e bem humorado ao tema. Nada pessoal, nenhuma cultura é superior ou inferior a outra, mas compreender as diferenças é fundamental para evitar situações constrangedoras e quem sabe uma falsa impressão do país o qual visitamos. Chega de blá blá e vamos lá! Quais as 10 atitudes para arrasar na França?

1 - Nunca ostente! 

Os franceses têm uma relação muito discreta com o dinheiro. A época de ostentar por aqui foi durante a monarquia. E como já sabemos, acabou mal, com o rei e a rainha decapitados durante a Revolução Francesa. De lá pra cá, os franceses ficaram cuidadosos ao falar de dinheiro, existe muita descrição e até certo pudor. Obviamente existem aqueles que não se importam e ostentam mesmo, mas estes indivíduos são bem mal vistos dentro da sociedade francesa. Está na França e tem dinheiro? Aproveite! Afinal, aqui existe um dos mais importantes mercados do luxo do planeta. Mas lembre-se que: diferente do Brasil, na França existe um certo tabu e muita discrição na hora de mostrar o poder da sua carteira. 

2 - Deixe o outro falar
Nós latinos temos o sangue quente e certa tendência, durante uma conversa, de falarmos todos ao mesmo tempo, não deixar o outro falar ou simplesmente falar muito alto. Para nós pode ser natural, mas na França, tal atitude soa bem mal educado. Óbvio que esta regra não é geral, mas a maioria dos franceses prezam pelo respeito da regra locutor e ouvinte. Por isso, para arrasar na França, nada de atropelar quem fala durante uma conversa ou usar um tom de voz muito alto, ok? 

3 - Tente falar francês e seja bem polido

Saber algumas palavrinhas ou frases prontas em francês poderá ser um plus durante sua primeira visita. E as palavrinhas mágicas aqui são: obrigado (merci) e por favor  (s'il vous-plaît). Use e abuse destas palavras mágicas e verá que, mesmo com um francês não muito bom (ou sem falar nada) você quase sempre será bem tratado. Além disso, a maioria dos franceses não dominam uma segunda língua, como o inglês, por exemplo. Por isso, tentar falar um pouco de francês será visto sempre como um esforço da sua parte, ajudando-o a integrar-se mais rápido caso esteja morando ou trabalhando na França. 

4 - Não chegue atrasado


Chagar atrasado para qualquer compromisso na França pode ser o final do mundo! Em Paris, existe a desculpa do trânsito engarrafado ou problemas no metrô. Mas mesmo assim, um atraso de mais de 15 minutos pode ser considerado como um insulto, tanto pessoalmente como profissionalmente. Se tem um compromisso na França com hora marcada, organize-se e chegue na hora, ou você corre o risco de perder um amigo ou uma oportunidade profissional, por exemplo. Caso haja um verdadeiro imprevisto (verdadeiro mesmo!), ligue com antecedência para informar o eventual atraso. Mas só use este recurso em último caso. Nada de jeitinho brasileiro... 



5 - A época da servidão acabou

Como já falamos no primeiro tópico, a época da ostentação (e consequentemente da servidão) acabou na França com a revolução francesa. A noção de igualdade entre os cidadãos por aqui é bem mais elevada do que em países subdesenvolvidos. Não importa seu nível educacional ou social, na França todas as profissões são consideradas importantes e, desta forma respeitadas. Por este motivo, mesmo se estiver pagando, seja gentil com o garçom, o motorista, o recepcionista do hotel, o padeiro, o médico, etc. Não esqueça de usar, sempre que precisar de algo, as palavrinhas mágicas (obrigado e por favor), pois se não usá-las corre o risco de ser super mal atendido (ou não atendido), mesmo que esteja pagando! 

6 - Seja rápido e eficaz 

Imagine a situação: você vai na boulangerie comprar pão e se depara com uma vitrine cheia de delícias! A fila está grande, você espera 5 minutos para a sua vez e quando chega na sua hora de fazer o pedido você não sabe o que quer. Passa algum tempo decidindo enquanto a fila aumenta e o atendente pacientemente espera. Na França este cenário é simplesmente impossível de se concretizar! Provavelmente, aqui na França (especialmente em Paris) o atendente vai te dar um fora e passar ao próximo cliente, pois tempo aqui é dinheiro. Isso sem falar que quem está na fila vai começar a te olhar feio (e bufar, pois os franceses bufam quando estão irritados) e te pedir para ser mais rápido. Quer arrasar na França, seja rápido e eficiente na hora de pedir, pagar e embalar suas compras! 

7 - Não bloqueie as escadas rolantes

Uma escada rolante é para que você fique parado nela e não suba os degraus, certo? Errado, pelo menos nas localizadas dentro das  estações do metrô e trem parisiense. Ficar parado e bloquear o lado esquerdo das escadas rolantes é motivo para ser insultado em Paris. Quer ficar parado? Fique sempre do lado direito e deixe o lado esquerdo livre para quem está apressado e quer passar. 

8 - No restaurante, pergunte sempre que mesa poderá ocupar

Na França, nunca ocupe uma mesa de restaurante sem pedir permissão ao garçom. Você corre o risco de ser expulso e recusado, mesmo se houver outras dezenas de mesas livres. Para arrasar de verdade, você deve perguntar ao garçom ou a hôtesse se existem mesas disponíveis e qual você poderia ocupar. Obviamente que se houver mesas vazias, você pode perguntar gentilmente se pode ocupar determinada mesa, mas a palavra final sempre é do garçom. E não adianta discutir... Se não gostar da mesa, agradeça gentilmente e procure outro restaurante. Em Paris, tente sempre reservar com antecedência, informando se deseja comer no terraço ou no interior. E mais uma dica: nada de sair pegando cadeiras de outras mesas sem autorização. Dependendo do restaurante, você será chamado atenção. 

9 - Nunca visite sem avisar 

Fez amigos na França? Maravilha! Mas por mais íntimo que seja, nunca, mas nunca mesmo visite um francês sem ser convidado ou sem avisar. Os franceses detestam serem incomodados e uma visita surpresa é vista como algo invasivo e mal educado. E mais: se for convidado por um francês para um almoço ou jantar, lembre-se de sempre levar algo: uma garrafa de vinho ou uma sobremesa, por exemplo. Para agradar uma anfitriã, um buquê de flores é sempre oportuno. Chegar de mãos abanando é indelicado e a cultura francesa preza muito esta relação de troca entre anfitriões e convidados. 

10 - Penetras nunca!

Falando em visitas, outra gafe que você deve evitar ao ser convidado por um francês é levar um penetra ou mesmo sugerir levar um. Os convites na França são extremamente pessoais. Quando um francês te recebe em casa está abrindo sua intimidade para você, podendo soar indelicado e grosseiro levar um desconhecido. Então, nada de querer estender o covite! 


Espero que tenham curtido mais esta postagem com curiosidades e as diferenças culturais da França. Não deixe de nos seguir nas redes sociais. Até breve! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário